Dependência Química: O que você precisa saber sobre o assunto

Embora muitos não saibam os casos de dependência química são tratados como doença , ou uma patologia classificada como Transtorno Mental. O dependente químico é visto como uma pessoa fraca, sem força de vontade, sem capacidade de usar o bom senso , além inúmeras outras considerações pelos leigos . Que ocorre no entanto é que por ser considerada uma doença, todo esse julgamento precisa ser visto sob outro ponto de vista bem mais amplo; o prisma de que temos ali uma pessoa doente, que precisa de tratamento para o transtorno do qual é acometida.

Veja também:

20 DESCULPAS PARA INTERROMPER UM TRATAMENTO EM UMA CLÍNICA DE RECUPERAÇÃO

17 Passos Para Lidar Com Um Dependente Químico Ou Alcoólatra Na Família

8 sintomas para identificar o alcoolismo

Opções de clínicas de recuperação / reabilitação para dependentes químicos em SP

14 OPÇÕES DE CLÍNICAS DE REABILITAÇÃO DROGAS SP – CLÍNICAS DE RECUPERAÇÃO EM SP

Como escolher a melhor clínica de reabilitação em SP?

Dicas de como escolher a melhor clínica reabilitação para dependente químico

Basta clicar na imagem acima para você aprender a escolher uma boa opção de clínica de reabilitação SP.

13 OPÇÕES DE CLÍNICAS DE REABILITAÇÃO SP DROGAS

Alguém que perdeu o controle no

Uso de algum tipo de droga ou alcoolismo prejudiciais ao organismo. Uma pessoa que perdeu o controle sobre suas condições espirituais, emocionais, psíquicas e físicas, e que se comprometeu no trabalho e na vida social É um tipo de deterioração do humano. O tratamento da dependência química através de internação em clínicas de reabilitação e terapias são de grande ajuda neste
momento,através de instituições de especializadas no tratamento da dependência química e alcoolismo são essenciais neste momento de dor e dificuldade em sua vida, trabalho e convívio social.

A entrada no caminho do consumo das drogas

Drogas caminhos
Ilícitas como maconha, lsd, crack ,anfetaminas , ecstasy ,e outras , assim como as lícitas como álcool e tabaco gera forte
dependência por quem as utiliza de maneira a se tornarem escravas e não conseguirem frear o consumo.
O que é uma doença química? Aquela que envolve reações químicas no metabolismo do organismo do indivíduo
provocando alterações do seu funcionamento de maneira tal a impedir que consigam viver sem o consumo de tais
substâncias. O alcoolismo, embora muitas pessoas não o considerem como doença, deve ser considerado como uma das
mais greves.

O álcool é um tipo de droga bastante poderosa que pode destruir um indivíduo predisposto , alterar de maneira
extremamente prejudicial no que diz ao físico , bem como ao social , o que inclui relacionamentos , trabalho , estudos e
pode causar conflitos e acidentes que por muitas vezes se tornam fatais , como por exemplo os acidentes de trânsito
causados pela embriaguez .

A dependência química é uma doença interna e silenciosa , por vezes fatal levando o dependente químico a óbito devido a
vários fatores nos quais i usuário se encontra envolvido . As causas não são apenas relacionadas ao uso da substância,
mas também aos fatores internos do corpo que não consegue resistir à doença e leva a dependência com danos físicos e
emocionais além dos conflitos sociais citados acima.

Do ponto de vista externo

Há toda uma pressão social, dos grupos, da
família, da influência da drogadicção em alterações emocionais e no envolvimento com o crime. Problemas que já estavam
presentes no indivíduo e que foram uma forma de ser atenuados por meio do uso da droga como uma válvula de escape.e
alívio de traumas e dores emocionais , e em alguns casos , físicas . São as vias externas que levam à escolha desse tipo de
vida bem como internas também, e por vezes, ambas associadas.A dependência química é uma doença progressiva que.
vai interrompendo processos familiares , de relacionamentos e causando destruição na vida , bem como ao físico do
usuário.

Quando a droga falta, a tendência é que o usuário fique ainda pior.Trata-se da síndrome da abstinência que
provoca alterações severas no metabolismo do organismo do viciado fazendo com que se sinta extremamente mal , se
torne agressivo e tenha atitudes extremas para que possa comprar ou ter a droga através de amigos. Muitos consideram
esse tipo de doença como crônica, sendo a cura um aspecto de luta.

Quando se é dependente, torna-se necessário estar

Vigilância é muito importante na recuperação para os dependentes químicos.

Em

vigilância constante. Isso significa que além do tratamento para dependentes químicos o paciente deve ter controle sobre suas atitudes e se
reeducar em relação ao uso e os motivos que o levam a se utilizar delas.É uma luta constante que não acaba, e vai até o
final da vida. O tratamento precisa ser feito diariamente por ser doença crônica , ou seja , tem que existir uma persistência
por parte do paciente.

Porém, há maneiras de manter o controle. Mesmo que não esteja utilizando as substâncias, há
formas de se cuidar e fazer tratamento com outro tipo de vida que não leva às consequências drásticas do mundo das drogas.

O apoio de clínicas de recuperação em SP, da família e das pessoas mais próximas é essencial para o controle do problema,mas tem que
partir da vontade em abandonar o vício e o uso recreativo, mesmo que seja só aquela;

O usuário não pode se sentir só e
se sentir um fracassado ou fraco.

Este é o motivo em que o conhecimento das causas e as campanhas de conscientização
são essenciais neste processo, bem como tratamento adequado , as internações em clínicas de reabilitação em SP, uso de medicamentos e diversas terapias podem ser utilizadas.

 

Confira as nossas clínicas de reabilitação em São Paulo e Região abaixo

 

 

Dependência Química: O que você precisa saber sobre o assunto
Vote