Como a Terapia Racional Emotiva (T.R.E.) funciona no tratamento do alcoolismo

É sabido que o alcoolismo é um dos problemas de saúde pública muito grave.

Trata-se de uma doença social, sabendo que o consumo é lícito, a estatística acerca dos danos e prejuízos para a sociedade são exorbitantes.

Apesar de não haver nenhuma comprovação, nenhuma evidências de transmissão genética, o alcoolismo é também tratado como uma doença hereditária.

De acordo com os cientistas, pessoas que têm dentro da família dependentes de álcool estão suscetíveis a passar por esse problema com maior facilidade.

Se considerarmos esse dado, podemos observar que o papel da família também é muito importante.

É necessário para traçar meios de manter seus membros longe das bebidas, trabalhando na prevenção alcoólicas e assim evitando danos futuros.

É necessário ficar atento, pois uma vez que uma pessoa desenvolve o alcoolismo, ela necessita passar urgentemente por um tratamento.

As Clínicas parceiras da Capital Remoções contam com uma etapa do tratamento chamada de terapia racional emotiva ou (TRE).

A seguir você saberá mais sobre essa etapa do tratamento, esse post foi feito especialmente para sanar todas as dúvidas pertinentes ao assunto.

Afinal, o que é terapia racional emotiva?

Então vamos lá, a TRE é mais uma abordagem terapêutica criada pelo psicólogo Albert Ellis.

Essa abordagem também é conhecida como terapia racional emotiva comportamental ou (TREC).

O alicerce da TREC e o que a conduz, é conquistar mudanças nos padrões de pensamento do indivíduo.

Diferente da TCC a TREC atua na forma como o indivíduo interpreta os acontecimentos de sua vida.

Ela também auxilia na construção de uma nova abordagem nos pensamentos acerca do mundo, acerca de si mesmo e acerca das outras pessoas.

Albert Ellis acreditava que toda perturbação emocional não é proveniente de nenhuma situação em si, mas sim da interpretação da qual o individuo tem sobre essas situações.

De acordo com o modelo ABC de Albert Ellis, todos os acontecimentos que são ativadores sofrem um processo.

Esse processo transita pelo sistema de crença do indivíduo, antes de provocarem os impactos emocionais ou de comportamento. É um caminho inverso.

Portanto, para ele antes de reagirmos aos estímulos, nós avaliamos o sentido que esses impulsos reproduzem.

Como nossas mentes recebem esses estímulos, num paralelo que vai de acordo com a nossa história passada e atual.

E como utilizamos a terapia racional emotiva no tratamento do alcoolismo?

Sabendo que a base da terapia racional no tratamento do alcoolismo é a de que os pensamentos geram sentimentos.

Quando somos conscientizados disso, eliminamos a máxima de que necessariamente as pessoas ou situações as geram.

Cada ser humano tem uma maneira diferente de enxergar as coisas, sendo assim, reage de sua própria maneira a cada situação.

Quanto utilizado no tratamento do alcoolismo, a TRE tem como finalidade fazer com que o dependente de álcool reconheça sua forma errônea de pensar.

Baseado nisso, proporciona uma visão real da sua situação atual, tendo como base as experiências da sua própria vida.

Relaciona suas atitudes ao seu contexto e ambiente e, quando as reconhece é possível que mude as suas ações.

Ou seja, a terapia da um novo norte, reorienta os pensamentos para, a partir deles, as ações corretas acontecerem.

No tratamento realizado pelas clínicas parceiras da CAPITAL REMOÇÕES, essa terapia é aplicada e praticada.

Dessa maneira, podemos concluir alguns resultados positivos, e a melhora é notada gradativamente em cada paciente.

Durante todo o procedimento terapêutico é necessário muito amor, paciência e respeito

Vale lembrar que o que deve ser levado sempre em consideração é a individualidade de cada alcoolista. 3

Conheça uma de nossas unidades e converse com nossos profissionais, estamos disponíveis 24 horas por dia através de nossos canais de atendimento

Vote