As famílias - clinica de reabilitação em São Paulo

As famílias – clinica de recuperação em São Paulo

você também pode gostar: 

Clinica de Recuperação em São Paulo – 98 Opções – Clínica de reabilitação em São Paulo

Veja ainda:

Clínica de Recuperação Masculina em Mairiporã – Alto Padrão – Convênio

O reflexo causado na família de um dependente

O meio de convivência do dependente sobretuodo no qual é mais afetado, com toda a certeza, é sem dúvidas

o da sua própria família, não que os amigos não sejam afetados e nem sintam muita

dor pelo seu querido, mas na maior parte das vezes, é de fato a família a parte mais abalada

por todo o contexto, contudo até mesmo pelas peripécias que o dependente passa a aprontar para à própria,

pelo simples motivo de poder conseguir mais drogas.

Vamos falar sobre alguns casos surpreendentes e até perturbadores, que só quem realmente tem

familiar dependente químico ou alcóolico, consegue compreender.

Muitas vezes os casos

parecem tão fora da realidade, que as pessoas de fora julgam como inacreditáveis, falácias, ou no mínimo exagerados.

E obviamente, também falaremos de toda a dor que a família vivencia vendo seu querido ir se destruindo aos poucos, cada dia mais, para esse

mundo dos vícios. Muitos já devem ter ouvido

que os dependentes químicos ou alcóolicos, no auge de seus vícios, começam a vender seus próprios bens materiais, coisas que antes para eles

era algo de extrema relevância, e outras

coisas, que não só representavam cifras, mas também um extremo valor sentimental.

o papel das famílias – clinica de recuperação em São Paulo

Tratamento em clinica de recuperação em São Paulo
O papel da família na recuperação de dependentes químicos

E, de fato, para conseguir alimentar seus vícios, o dependente passa a ser capaz de realizar esses atos, mas

não para por aí, depois que todos os seus bens acabam e ele não tem mais de onde tirar dinheiro, o próximo alvo de torna a própria família.

E agora vamos adentrar um pouco nessa questão de ciclo familiar, como a família é atingida

pelos vícios do usuário.

Quando o usuário faz a limpa, sobretudo, de seus próprios bens, o olhar é

direcionado para a família, eles passam a pedir emprestado, inventam mentiras mirabolantes,

forjam planos de negócios para que os familiares os patrocinem, sendo que não

existe nenhum negócio real, usam de chantagem emocional e se fazem de vítimas, tudo para conseguir o “empréstimo” vindo da família.

E caso, portanto, não consigam ou por ventura acabe o dinheiro da própria, eles

passam até mesmo a furtar seus entes-queridos, inicialmente ô fazendo de maneira discreta e que não dê para

perceber, mas após um tempo cometendo o mesmo ato, ou caso se torne

necessário, passam a furtar na cara dura e sem a menor vergonha na cara, podendo usar da violência e

ameaças em todo o processo, tudo para conseguir a substância que alimenta seu vício.

A família, além de perdas de aquisição financeira, passa também a correr

perigo nas mãos do dependente, vivendo sob todos os tipos de ameaças e passando por muito stress.

Além de precisar lidar com todas esses problemas, a família passa a se preocupar

multiplicadas vezes com a vida e saúde do dependente, passam a buscar orientação e estudos sobre viciados,

também passam pelo processo de aceitação de que o familiar querido se inseriu no submundo das drogas,

as vezes fica difícil a aceitação num primeiro momento, começam a buscar outras

justificativas de fato e meios para o familiar estar agindo de tal forma, até que realmente caem por si, e claro,

essa é uma situação que costuma ser recorrente em casos de dependência, mas não

uma regra, existem, portanto, outros diversos casos no qual a família processou a situação de maneira diferente,

já tomando por conta da dependência de seu querido logo de início e em seguida

buscando todas as medidas necessárias.

Em muitos casos, sobretudo a família tem relutância por internar, acham que seu familiar sofrerá

maus tratos ou que no mínimo não o cuidaram bem, ou que a internação não terá resultado, mas

esses pensamentos precisam se diluir, são pensamentos que estão retrógados,

e para salvar a vida de seu ente querido, muitas das vezes é necessário sim que ocorra a internação, a família

precisa entender que é para o bem do viciado, e não existe prova de amor maior que essa.

É inerente, portanto, que a clínica em que o dependente seja sujeito ao tratamento é preciso ser reconhecida,

tendo um nome renomado e uma estrutura excepcional que dê todo ô

tratamento necessário ao adicto, mas entretanto isso com uma boa pesquisa e buscando algumas fontes

confiáveis, não é difícil de se encontrar, assim como as Clínicas de Recuperação em São Paulo,

na qual carregam da mais alta estima por quem lá ô passa.

Muitas famílias, todavia nesse momento, também se apegam as suas crenças religiosas, fazem novenas,

promessas, juramentos, frequentam a igrejas, centros, e todos os demais tipos de

crenças existentes, é uma forma de elas procurarem fé em algum lugar, e mais importante,

em si mesmas, e em muitos casos algumas famílias chegam até mesmo a se converter de religião,

dos mais extremos âmbitos, como passar de evangélicos para segmentos de religiões espiritas e

de espiritas para evangélicos, sendo mais comum do realmente aparenta esse tipo de

situação, o importante é a família se apegar a sua fé e adquirir forças para lutar pelo bem do dependente.

Mudanças – As famílias – clinica de recuperação em São Paulo

As famílias - clinica de recuperação em São Paulo
Mudanças – As famílias – clinica de recuperação em São Paulo

Além das mudanças de crenças ou por melhor dizer, o conhecimento de ainda mais crenças,

o que tende a ser muito comum é a família deixar a cidade onde mora, largando emprego,

casa e amigos, entretanto, tudo com a intenção de trazer algum alento ao dependente, buscando novos

ares e novas histórias, além de pensarem também no corte de fornecimento de drogas que o

dependente havia obtendo e na separação de amizades e influências que o levaram para o caminho do vício,

é algo que muitas famílias optam por fazer, e de certa forma pode realmente

ajudar de maneira benéfica, mas o tratamento em uma clínica é fundamental para todo o processo,

principalmente dependendo do nível de dependência que o viciado apresenta.

E clínicas de Recuperação em São Paulo são a melhor escolha para uma recuperação e

reabilitação estável e positiva, então procure-os caso esteja passando por esse processo.

O que é preciso ressaltar e deixar claro, é que se tratar em uma clínica não significa internação,

muitos usuários, sobretudo, passam todos os dias na a clínica e depois vão para suas respectivas casas,

cada pessoa é um caso próprio e diferente.

As famílias – clinica de recuperação em São Paulo

Relacionados: AMOR EXIGENTE