CLINICAS DE REABILITAÇÃO PARA MENORES (adolescentes – menores de 18 anos)


A Capital Remoções é um grupo especializado em clinicas de reabilitação, trabalhamos com unidades em todos os estados brasileiros.


Nós temos um compromisso com os nossos pacientes, acreditamos na recuperação do ser humano, e que tudo é possível quando se tem vontade e fé.


A doença da dependência química aflige milhares de famílias em todo o Brasil, entendemos o quão delicado é esse momento.


Muitas pessoas evitam procurar ajuda por medo ou vergonha, nós acreditamos que uma atitude pode resgatar uma vida.


Apesar de não ter cura, a dependência química pode ser sim estacionada, e uma nova opção de vida aflorada, é preciso tentar.


Nossos valores são:

O respeito, amor ao próximo, esperança, dedicação e humanismo.


Nosso grupo conta com unidades em todo o Brasil e uma central de atendimento que funciona 24 horas por dia.


Atuamos no encaminhamento e esclarecimento de dúvidas, nossas unidades são completas, e possuem toda a infraestrutura necessária.


Conte com a nossa equipe para maiores informações e esclarecimentos.


CLINICA DE REABILITAÇÃO PARA MENORES


Muito se fala sobre as clínicas de reabilitação, foi construída uma imagem de que uma clínica de recuperação para menores se assemelha a uma prisão e de que a reclusão é o caminho.


É importante saber que a internação não serve para esconder o problema, a intenção não é a reclusão, muito pelo contrário.


A metodologia de ficar afastado por um determinado tempo não tem nada a ver com uma punição, é sim, um momento de autoconhecimento e reflexão.


Acredita-se que ao sair da rotina de consumo de álcool e drogas, em um ambiente cercado de valores, alternativas terapêuticas, foco em atendimentos de saúde física, mental e espiritual,

os resultados podem ser incríveis.
Todo o suporte externo possível será dado ao paciente no momento da internação,

o número de adesão ao tratamento por parte dos pacientes é bastante positivo.


Cerca de 90% dos pacientes aderem ao tratamento após alguns dias em uma clínica de reabilitação para menores,

inclusive para pacientes de internação involuntária.


Posterior a isso, ao sair da clínica, a responsabilidade do tratamento é exclusivamente do paciente.


ÁLCOOL E DROGAS NA ADOLESCENCIA – INTERNAÇÃO PARA MENORES


É de conhecimento de todos que hoje em dia os menores de idades estão cada vez mais vulneráveis ao envolvimento no mundo de dependência química.


Vemos cada vez mais uma cultura que dissemina o álcool e vangloria seus efeitos sem nenhum pudor.


As drogas estão presentes nas festas dos adolescentes, em seu convívio social e até mesmo nos colégios.


É triste ver que cada vez mais jovens entram nesse caminho por curiosidade e os agravos são terríveis.


A vantagem de descobrir cedo é que quanto mais jovem, maior as chances de enxergar um novo caminho de vida.


É possível destruir esse mal da vida dos jovens com amor, afeto e uma atitude responsável.


O diálogo é muito importante, muitas famílias não sabem como lidar com esse problema, e acabam agindo de maneira errada.


A repressão não é o melhor caminho, tentar suprir sua ausência com presentes caros ou cedendo a chantagens também não é a melhor opção.


Se você tem um parente ou amigo que está passando por esse problema, tente iniciar uma conversa franca.


Demonstre sempre confiança mutua, não traia a confiança, ajude, entenda o problema, identifique e converse sobre internação.


A internação pode ser a solução para o menor de idade, pode trazer a ele uma nova visão de mundo,

de comportamento, o fará aprender a viver sem o consumo da substancia que o tornou refém.


Os motivos que abrem as portas para os menores nesses caminhos são sempre os mesmos.


Envolvimento com pessoas erradas,

necessidade de chamar atenção dos pais, uma cabeça mais enfraquecida, vontade de extravasar, curiosidade.


O tratamento psicológico somado as práticas terapêuticas intensivas dispostas nas clínicas de reabilitação para menores será de grande ajuda.


A adolescência é uma fase transitória onde o indivíduo se depara com diversos conflitos internos, perturbações e falta de entendimento de questões familiares.


Não se preocupe, se você conhece alguém que esteja passando por isso, ou tem um filho, sobrinho ou irmão nessa situação, esse post foi feito para você.


Como funciona uma clínica de reabilitação para menores de idade


Os adolescentes que são atendidos dentro das unidades educacionais de internação da Capital Remoções irão passar por um tratamento de dependência química.


Esse tratamento contempla alternativas terapêuticas, como Terapia Racional Emotiva, Terapia Cognitiva Comportamental, Programa de Prevenção a Recaída.


Reuniões de doze passos, espiritualidade, palestras socioeducativas, dinâmicas em grupo, reuniões de partilha de sentimentos.
Laborterapia, cromoterapia,

videoterapia, atendimentos personalizados psicológicos, psiquiátricos, e quando for o caso inserção de medicamentos.


Todo esse suporte será dado para que o dependente químico tenha opções de se manter limpo quando sair da clínica.


O convívio com os demais é muito positivo, os pacientes conseguem se identificar, identificar erros e ouvir palavras que podem ser de grande ajuda em sua recuperação.


O acolhimento dos pacientes é o nosso referencial, fazer com que eles se sintam acolhidos, seguros e transmitir a sensação de bem-estar.


TRATAMENTO PARA MENORES – CLINICA DE REABILITAÇÃO PARA MENORES.


Nossa equipe é composta por profissionais multidisciplinares que garantirão a melhor experiência para os menores que sofrem de dependência química.


Cada profissional, dentro de sua especialidade contribuirá da melhor maneira possível para o aproveitamento total do paciente em sua internação.


As clínicas contam com a colaboração de médicos clínicos gerais, psiquiatras,

psicólogos, terapeutas, coordenadores terapêuticos, educadores físicos, monitores e nutricionistas.


Objetivo máximo das clinicas de reabilitação para menores é cuidar e proteger a criança e/ou adolescente,

em meio a uma série de métodos e técnicas que fazer a diferença na trajetória da reabilitação do menor.


Existem clínicas na CAPITAL REMOÇÕES que tem foco exclusivo especialmente para essa faixa etária, o espaço é de confiança mútua, segurança e livre de drogas.


Dentro da clínica o paciente irá aprender a lidar consigo mesmo, a ferramenta principal é o autoconhecimento, o amadurecimento vem pouco a pouco.


Ele aprenderá a lidar com as dificuldades sem o uso da substância a qual é viciado, reparação de perdas e danos, conscientização.


Importante pontuar também que o dependente químico nesse momento, irá corrigir seus comportamentos e posturas anteriores, identificando gatilhos,

motivos e coisas que o faziam usar drogas e álcool.


Como funciona a internação para menores
Existem 03 modalidades de internação em uma clínica de reabilitação.


A internação pode ser:


Voluntária
Essa modalidade é a mais eficaz, pois é quando o paciente entende que é impotente perante a droga,

conhece suas fraquezas e aceita que o tratamento é necessário. É quando o paciente quer o tratamento.


Involuntária


Aqui é quando o dependente químico não aceita que precisa de tratamento, luta contra a vontade de seus familiares,

não reconhece perdas e danos, reluta para continuar no uso.


Acha que consegue dosar o consumo, que não é necessário o tratamento, que não chegou ao ponto de internação.
A negação.


Ou pior, acredita que não conseguira parar nunca e que quer usar por escolha de vida para sempre, que se sente anestesiado e quer viver dessa maneira.


O processo aqui é um pouco mais doloroso para o dependente químico e seus familiares, mas pode ser uma saída.


Ás vezes, a internação involuntária é o último recurso.


A saída que a família tem aqui

é recorrer a internação involuntária, a família telefona para uma equipe de resgate especializada, que fará a remoção do paciente com segurança e o levará até a clínica escolhida.


A internação involuntária é respaldada por lei, onde o responsável pela clínica deverá comunicar ao ministério público a internação no prazo máximo de 72 horas após conclusão da internação.


QUANTO TEMPO? INTERNAÇÃO PARA MENORES


O tratamento para dependentes químicos em uma clínica de reabilitação para menores assim como para maiores segue a mesma métrica.


O tempo de duração pode variar de 03 a 06 meses, considerando todas as etapas do tratamento.


O prazo será determinado pela equipe multidisciplinar que fará o acompanhamento do paciente.


O paciente terá uma primeira avaliação e o quadro será acompanhado durante o tratamento.


O tratamento é subdividido em 03 etapas:
A primeira etapa é o acolhimento, seguida de desintoxicação e conscientização.


As dos familiares são mensais, em alguns casos quinzenais.


Há ainda clínicas que disponibilizam que os pacientes passem um final de semana com suas famílias após 03 meses e depois retornem para concluir o tratamento.


Essa regra se aplica para pacientes voluntários, e tem como premissa a experiência do paciente após receber o tratamento intensivo em uma clínica de reabilitação para menores.


Se você é menor de idade e está com problemas com drogas, experimente conversar com uma pessoa de confiança e pedir ajuda.


Se você tem algum parente ou amigo que está passando por essa situação, tenha uma conversa franca,

fale sobre riscos, mas fale sobre amor, fale sobre uma nova alternativa.


Sempre é tempo de recomeçar, nós acreditamos na regeneração do ser humano e que tudo é possível àquele que crê.


Entre em contato conosco e saiba mais.
Capital Remoções – Clínicas de reabilitação.


Acreditamos em Deus.

Vote